Site da rede
Artistasgauchos.com.br
artistasgauchos.com.br

Poesias

PROTESTO

Não ando na grama
só piso no asfalto.
Não vejo o céu
só edifício alto.
Se ainda reclamo
vou pro beleléu.

Não brinco no parque
só num canto à parte.
Não canto ciranda
só as propagandas.
Se ligo a TV
só tem besterê.

Quero vida de criança!
Cadê a minha esperança?
Parem o mundo de vocês
que eu quero já descer!
Esse é o meu protesto
depois eu digo o resto.


18/10/2010

 

 

Todos os direitos reservados a Dilan Camargo

Livros

Trabalhos

Mais uma vez o BrincRIar
foi selecionado para o PNBE!



mais livros